in

Moro: decisão de retirar Coaf do MJ não atrapalhará atuação do órgão

Apesar da derrota do governo, o ministro Sérgio Moro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro, disse que a decisão da comissão do Congresso de retirar o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) de sua alçada não atrapalhará a atuação do órgão.

“A intenção de trazer o Coaf para o Ministério da Justiça foi sempre fortalecer o Coaf. Independentemente do que aconteça, vai ser essa a política do governo, sempre fortalecer o Coaf, porque sabe que ele é um órgão estratégico. Hoje, de fato, houve uma decisão não muito favorável a essa proposta do governo, mas independentemente do que aconteça, podem ter certeza de que a postura do governo vai ser sempre de fortalecimento desse órgão”, declarou Moro.

Em votação na quinta-feira (9), os parlamentares decidiram transferir o órgão para o Ministério da Economia.

A mudança, entretanto, ainda poderá ser revertida em votação nos plenários da Câmara e do Senado. Com informações do G1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Audiência de Mileide Mihale contra família de Safadão tem data definida

Vale tem prejuízo de R$ 6,4 bilhões no primeiro trimestre de 2019