in

Calmonense diagnosticado com Leucemia clama pela vida na fila de regulação em Salvador

O Calmonense Manoel Conceição Martins de Araújo, 61 anos, diagnosticado com Leucemia, está na fila da regulação da Bahia, desde da última segunda-feira (6).

De acordo com a filha de Sr. Manoel, Camila, seu pai foi encaminhado para o Hemoba de Salvador, pelo hospital Português de Miguel Calmon, o problema é que o Hemoba é “ambulatório” e lá ele consegue apenas medicação pra dor e soro para hidratação. Sr. Manoel precisa de atendimento em hospital especializado, e, para isso, ele aguarda a REGULAÇÃO.

Camila disse ao Calmon Notícias que ele fica no Hemoba durante o dia e quando é a noite retorna para casa, só que o Sr. Manoel passa mal durante a noite e ai é preciso correr para emergência de algum hospital.

Ela disse que durante a semana, após seu pai sentir muitas dores, buscou atendimento no Hospital Menandro de Farias, em Lauro de Freitas, na região metropolitana de Salvador, e foi negado. “Eles recusaram o atendimento, a gente pediu até pelo amor de Deus pra eles passarem um remédio pra dor e eles recusaram, disseram que não ia atender porque não tinha especialidade pra isso”, relatou a filha de Sr. Manoel.

Enquanto a vaga não surge através da regulação, Sr. Manoel tenta resistir as fortes dores contando com a ajuda da filha e de uma sobrinha, que estão com ele na capital do Estado.

Perspectiva de internação:

Na noite desta quinta-feira (9), o paciente foi levado para a emergência do Hospital Roberto Santos, no Cabula, com perspectiva de internamento, porém, o hospital não quis recebe-lo.

De acordo com Camila, um dos hospitais especializados para esse tipo de tratamento em Salvador, é o Hospital das Clínicas.

Internação:

No inicio da madrugada desta sexta-feira (10), com a ajuda de amigos, Sr. Manoel foi conduzido para o hospital Menandro de Farias, em Lauro de Freitas, e dessa vez recebeu atendimento e foi internado. Agora ele está na regulação e aguardará vaga em um hospital especializado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Servidores convocam novo protesto contra reforma da Previdência baiana

Falta de fundos ameaça expansão do Bolsa Família para mais pobres