in

TRE atinge meta estabelecida no cadastramento biométrico em Itaberaba; prazo vence 18 de fevereiro

A eleição de 2020 será a segunda que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) utilizará a biometria como forma de evitar fraudes eleitorais. Uma forte campanha de cadastramento foi realizada nos municípios. Em Itaberaba, portal de entrada da Chapada Diamantina, a meta de cadastramento estabelecida foi atingida antes do fim do prazo que se encerrará no dia 18 de fevereiro.

Nas eleições de 2018, Itaberaba teve o comparecimento de 33 mil eleitores. O TRE então, estabeleceu que a meta era biometrizar 90% do total de eleitores que compareceram na última eleição. Como informa o chefe do Cartório Eleitoral de Itaberaba, Arold Pina, em entrevista concedida nesta quarta-feira (11), ao programa Conexão Verdade, da rádio Rosário FM.

“O TRE determinou uma meta. Itaberaba teve comparecimento de 33 mil eleitores em 2018. O TRE estabeleceu que a meta seria biometrizar até 90% do comparecimento de 2018. Então esse numero que estou falando, 90% do comparecimento, seria 29.820”, disse Arnold. “E é com satisfação que anuncio aqui que já atingimos essa meta de 29.990 biometrias, ultrapassando a meta do TRE”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Professores e coordenadores de Iaçu interrompem Jornada Pedagógica em protesto contra a gestão de Adelson

Coronavírus: total de mortos sobe para 242 em Hubei