in

Covid-19: Jacobina vacina caminhoneiros, rodoviários e profissionais da imprensa

A Secretaria da Saúde de Jacobina ampliou a vacinação contra a covid-19 para outros grupos, incluindo os caminhoneiros, motoristas e cobradores do transporte coletivo rodoviário e profissionais da imprensa, e reduziu a idade para vacinação dos grupos de risco e por idade decrescente.

O Jacobina Notícias reuniu todas as informações e traz o cronograma detalhado. Nesta quinta-feira (10), a vacinação contra a covid-19 vai acontecer no Centro de Convivência do Idoso, ao lado da Semusa – Unidades Básicas de Saúde (UBS) do Bairro da Caeira. A única exceção será para os profissionais da imprensa, cuja imunização ocorrerá na UBS Serrinha. A vacinação vai acontecer nos horários das 8h30 às 12h e das 14h às 16h.

Por idade: a vacinação por idade começou para pessoas com 58 anos. Quem tem essa idade, mesmo que não faça parte de nenhum dos grupos prioritários, já pode receber o imunizante. Para isso, basta  estar de posse do CPF (ou cartão do SUS), cartão de vacina e comprovante de endereço.

Comorbidades: pessoas de 35 a 59 anos. É obrigatório apresentar RG, CPF, cartão de vacina e comprovar a comorbidade com qualquer um dos seguintes documentos: laudos, declarações, prescrições médicas ou relatórios médicos.

Motoristas e cobradores: profissionais com 18 anos ou mais. É obrigatório estar de posse do CPF, cartão de vacina, nome na lista enviada previamente pela empresa e apresentar documento que comprove o exercício efetivo da função de motorista profissional do transporte de passageiros ou cobrador.

Caminhoneiros: com 18 anos ou mais. É obrigatório apresentar CPF, cartão de vacina e cópia de documento que comprove o exercício efetivo da função de motorista profissional do transporte rodoviário de cargas.

Imprensa: profissionais com 40 anos ou mais poderão receber a vacina contra a covid-19 na UBS Serrinha, a partir das 8h30. É obrigatório apresentar CPF, cartão de vacina e identificação profissional oficial, que comprove o exercício efetivo de atuação na imprensa.

A Secretaria da Saúde destacou que “a vacinação está sujeita a interrupção conforme a quantidade de doses disponíveis”.

Por Robson Guedes / Jacobina Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Novo lote com mais de 220 mil doses da vacina contra a Covid-19 chega à Bahia

Colheita de abacaxi em Itaberaba promete ser a maior dos últimos cinco anos, segundo cooperativa